Como interpretar o resultado no gráfico Box plot?

Para formar o Box plot, todos os dados enviados são ordenados em ordem crescente e os quartis são definidos da seguinte forma: o segundo quartil, que representa a mediana (50% dos dados) é onde se encontra o dado central, ou seja, há metade dos resultados que são inferiores e outra metade que são superiores a este. Com a metade dos dados inferiores, é feito o mesmo procedimento, ou seja, o elemento central representa o primeiro quartil (25% dos dados) e o mesmo ocorre com os dados superiores, definindo-se assim o terceiro quartil (75% dos dados).

Junto a cada gráfico, há uma tabela com o número de participantes que contribuíram para a construção do gráfico, a mediana, 1º e 3º quartis e os valores mínimo e máximo, conforme a segmentação adotada.

O posicionamento do laboratório frente ao mercado é sinalizado no gráfico Box plot com um círculo vermelho;

Ao analisar o gráfico, é importante verificar inicialmente onde o seu resultado se encontra e definir internamente se é necessário tomar alguma ação interna para melhoria desse resultado. Se seu resultado for um outlier (muito diferente dos demais), é importante conferir os dados fornecidos para ter certeza de que não houve erro de reporte de dados.

A Posição Relativa (Ranking) entre pares e Métrica Sigma são aplicados nos resultados, quando pertinentes, para estimular a melhoria contínua dos processos laboratoriais.

Resultados em Métrica Sigma: indica a qualidade dos processos.

Ranking: em 1º estão os melhores resultados e em 5º os resultados mais sensíveis.